terça-feira, 7 de agosto de 2012

Aulas Particular

Apresentação dos Cursos:

a)
Impostos  ( 8 horas ) e Retenções ( 8 horas ) total 16 horas
a.1) Impostos  ( 8 horas )
a.2) Retenções ( 8 horas )

b) Curso Fluxos de Caixa ( 8 horas)


---------------------------------------------------------------------------------------------------
Prezado Aluno,

Meu nome é Wander Navarro
Estou há 27 anos na área de Gestão Empresarial.

Sou Professor há 7 anos de Cursos Tributários, Financeiros e Gestão de Empresas.

---------------------------------------------------------------------------------------------------
Meu principal objetivo é ensinar via email, para melhor comodidade dos alunos.
Posso aplicar os Cursos também no local indicado pelo aluno, de preferência na Cidade do Rio de Janeiro.
---------------------------------------------------------------------------------------------------
No final da aula será fornecido o acesso ao Drive Google (mais de 400 mega de informações Tributarias e Fiscais com qualidade) contendo todo o material legislativo, exemplos de cálculos, gráficos, manuais técnicos, perguntas e respostas, bem como a própria aula completa em Power Point.
------------------------------------------------------------------
Caso Real:
 
Alguns empresários como o exemplo abaixo, pagam multas pelo total desconhecimento do assunto, entendendo que seu responsável tributário sabe tudo do assunto.

Penso assim, um empresário não pode entender tudo de impostos, mas ao fazer um Curso como este, ele poderá analisar a cada 3 meses a situação Fiscal de sua empresa e evitar responder por Crime de Sonegação Fiscal onde a multa Fiscal é aproximadamente 200%. (multa Fiscal é diferente de multa de Mora).


Fiz uma consultoria em um cliente que estava sonegando sem saber o IRPJ e a CSLL.    Após analisar a DIPJ do cliente com seus DARFs , DCTF, DACON, verifiquei a incoerência na base de calculo do IRPJ e CSLL durante todos os exercícios analisados.
Como os empresários nada conheciam do assunto, ficaram sabendo naquele momento que deviam mais de R$ 100.000,00 para o FISCO neste caso a Receita Federal.
Minha orientação foi que fizessem um Fluxo de Caixa para pagar de acordo com suas possibilidades.
De inicio sobre o debito é calculado 20% de multa por pagamento em atraso.
Caso a situação fosse apontada pelo Fisco antes do inicio do pagamento dos débitos e das devidas Retificações das Declarações (DIPJ, DCTF, DACON) a empresa seria considerada Sonegadora.


Caso algum dos sócios entendessem o mínimo de imposto e com certeza este Curso vai muito além desta condição, esta empresa não deveria mais de R$ 20.000,00 de multa de mora com risco de enquadramento em Crime de Sonegação Fiscal.

Então cabe a cada um entender se deve ou não investir neste Curso
Muitas pessoas ou empresários preferem pagar multas ao investir no conhecimento deste assunto, devido a sua complexidade.
 
--------------------------------------------------------------------------------------------------
 
a) Impostos  ( 8 horas ) e Retenções ( 8 horas ) total 16 horas
Estes Cursos estão preparados para serem aplicados separadamente em dois módulos de 8 horas cada de acordo com a necessidade do aluno.

Objetivo do Curso: Oferecer aos participantes uma possibilidade de avaliação empresarial e técnica tributária e também uma macro visão.
Procedimentos técnicos de apuração de impostos, considerando suas retenções, suas compensações, seus débitos e créditos e o fato gerador dos principais impostos, nos 03 (três) níveis: Federal, Estadual e Municipal.
Apresentação da Legislação da Previdência Social com foco na apuração do INSS e suas retenções no Tomador dos serviços com mão-de-obra.
Principais Impostos: IRPJ, CSLL, PIS, COFINS, IPI, ICMS, ICMS-ST, FECP do ICMS, ISSQN e INSS.
Dividiremos experiências e multiplicaremos os nossos conhecimentos.

Regimes Tributários:
Lucro Real, Lucro Presumido, Lucro Arbitrado, Isentos e Imunes, Simples Nacional e SIMEI.
Abordaremos o RIR - Regulamento do Imposto de Renda e suas principais implicações legais.

Legislação da Previdência Social:
Apresentaremos o conceito do INSS na apuração do valor devido na Folha de Pagamento de Funcionários e Autônomos.
Evidenciaremos com foco em Gestão Tributária baseado em Auditorias, que algumas empresas perdem dinheiro quando não compensam seus valores retidos (créditos) com os seus débitos em suas folhas de pagamentos.

Retenções na Fonte:
O fato gerador, a base legal e a memória de cálculo dos principais impostos retidos na fonte: IRRF, PCC (PIS, COFINS e CSLL), INSS Prestadores de serviços Pessoa Jurídica, INSS Autônomos, ICMS-ST e ISSQN.
Apresentaremos durante a aula, várias Notas Fiscais de Serviços para a fixação dos conceitos.
Apresentaremos um cálculo completo de uma RPA – Recibo de Pagamento a Autônomos, com retenção do INSS e do IRRF.
Apresentaremos também as Retenções feitas por Órgãos Públicos na aquisição de Produtos ou Serviços de Pessoas Jurídicas de capital Privado.

Declarações Acessórias – Apresentaremos suas funcionalidades:
SRF - DIPJ, DCTF, DACON, DIRF e PERDCOMP.
SRP - SEFIP.
SEFAZ- RJ – GIA-ICMS.
DIPJ – Vamos abrir uma DIPJ durante a aula e simular cálculos reais com a Apuração do IRPJ e com a dedução do IRRF no mesmo período.

SPED Fiscal:  Conceitos com base em Instruções Normativas:
1)        SPED ECD - Escrituração Contábil Digital - IN 787/ 2007, de 19 de outubro de 2007, instituiu a Escrituração Contábil Digital (ECD) que passará a ser obrigatória a determinadas pessoas jurídicas com relação aos fatos contábeis ocorridos a partir de 1º de janeiro de 2008.
2)      EFD-PIS/Cofins - Escrituração Fiscal Digital PIS/ Cofins - Conforme disciplina a Instrução Normativa RFB nº 1.052 de 5 de julho de 2010, estão obrigadas a adotar a EFD-PIS/Cofins.

Outros assuntos e Regulamentos:

a) RICMS/ RJ - Regulamento do Imposto Sobre Operações Relativas a Circulação de Mercadorias e Sobre Prestações de Serviços de Transporte Interestadual e Intermunicipal e de Comunicação do R.J.
a.1) Abordaremos vários artigos do Regulamento do ICMS-RJ.
a.2) Apresentaremos durante a aula, o DANFE e NF-e (Notas Fiscais Eletrônicas) para a fixação dos conceitos.
b) RIPI - Regulamento do Imposto Sobre Produtos Industrializados.
b.1) TIPI – Tabela de Incidência do Imposto Sobre Produtos Industrializados.
b.2) NCM - Nomenclatura Comum do Mercosul.
c) Apuração do ISS, Apuração do ICMS e Apuração do IPI.
c.1) Conceito técnico do Crédito.
c.2) Simples Nacional – Crédito do ICMS para seus Clientes.
d) Cálculo do ICMS-ST - Contribuinte Substituto e Contribuinte Substituído, com apresentação da Legislação, das Notas Fiscais e da memória de cálculo.
e) Faturamento zero – Tratamento das Obrigações Acessórias.
f) Fornecimento dos Sítios Oficiais na Internet para baixar dicas, ferramentas e facilitar o entendimento das matérias e fixação dos conceitos a custo zero.
g) No Final do Curso, apresentaremos um Testes de fixação de cálculos de retenções.

-----------------------------------------------------------------------------------------------------
b) Curso Fluxos de Caixa ( 8 horas)
Objetivo do Curso de Fluxos de Caixa: Oferecer aos participantes uma possibilidade de avaliação empresarial e técnicas Administrativas e Financeiras para Criação ou Melhoramentos da Gestão dos Fluxos de Caixa e Orçamento Anual.

Iremos além da criação de um Fluxo de Caixa, com a apresentação de planilhas simples, porém eficientes.
Orientaremos na Administração Financeira das Empresas, onde todos os setores e departamentos incluindo a Diretoria da Empresa devem ser parceiros para que o Fluxo de Caixa seja uma ferramenta de auxilio nas antecipações das soluções dos problemas Financeiros.

Demonstraremos a Técnica de Administração de Documentos e Prazos onde todas as Entradas e Saídas serão classificadas.
Na era digital em que estamos vivendo, alguns profissionais perderam ou nunca receberam um referencial técnico de organização.
Sem Procedimentos Técnicos não se alcança o profissionalismo e conseqüentemente não se cumprem exigências previstas em Leis (Cível, Trabalhista, Previdenciária, Tributária, Penais, ...).

Apresentaremos alguns Procedimentos Técnicos com base da NTC- T 3.8 regulamentado pela Resolução nº 1.296 publicada no DOU de 07/10/10 do CFC – Conselho Federal de Contabilidade

-----------------------------------------------------------------------------------------------------
Investimento:

a) Aula Via email - Cada módulo de 8 horas tem o Custo de R$ 250,00 por pessoa (sem apostila impressa).   Apresentação da aula via email, sendo enviado 14 slides por lote com um total de 16 lotes resultando em 227 slides em power point.
O pagamento acontecera parceladamente R$ 31,00 a cada lote enviado
(R$ 31,00 x 16 lotes = R$ 496,00 - modulo de 16 horas)
(R$ 31,00 x 8 lotes = R$ 248,00 - modulo de 8 horas)

a) Aula presencial - Cada módulo de 8 horas tem o Custo de R$ 300,00 por pessoa (sem apostila impressa) - Acompanhamento da aula via PC do aluno em Power Point, no estabelecimento indicado pelo aluno.
O pagamento pode ser parcelado R$ 37,50 a cada hora
(R$ 37,50 x 16 horas = R$ 600,00 - modulo de 16 horas)
(R$ 37,50 x 8 lotes = R$ 300,00 - modulo de 8 horas)
____________________________________________________________________________________ Desconto:
Na contratação de no minimo 02 (dois) módulos de 8 horas, totalizando 16 horas por aluno,  Na apresentação de um amigo(a) será concedido um desconto de 10% pra você e para seu amigo(a).
_____________________________________________________________

Forma de pagamento:

Deposito em conta bancaria. 
--------------------------------------------------------------------

Didáticas das Aulas:

Aulas por email:
a) Cada lote enviado com 14 slides, implica no pagamento de R$ 31,00 antes de sanar as duvidas dos mesmos.
b) Cada lote enviado com 14 slides dispõem de aproximadamente 1 (uma) hora do tempo da formação da resposta para sanar as duvidas por email.
Neste caso vale o bom censo, visto que algumas perguntas podem render um tempo maior.
c) Caso o aluno não efetue o pagamento de algum lote, as aulas serão interrompidas até a quitação do mesmo.

Tempo das aulas - O ideal seria o aluno sanar as duvidas de cada lote na semana seguinte ao recebimento de cada lote para poder receber um novo lote por semana, mas quem faz o tempo de envio dos lotes é o aluno, ou seja, se o aluno receber 14 slides por semana, o curso de 227 slides será finalizado em 4 meses.  Mas caso o aluno não tenha tempo de estudar semanalmente este tempo de envio será de acordo com o tempo do aluno.
----------------------------------------------------------------------------------------------------


Aulas presenciais:
As datas e horários das aulas serão agendados.
Caso o aluno ou o professor não possa cumprir a data ou horário agendado, o aluno ou o professor deverá remarcar com uma antecedência de 02 (dois) dias úteis, sendo necessário a confirmação de ambos via e-mail.

As aulas serão aplicadas através de aplicativo Power Point, no equipamento do aluno (PC ou laptop), onde as duvidas serão sanadas.
==========================================================
Aulas presenciais fora da Cidade do Rio de Janeiro:


_



Caso existam Despesas principalmente se a aula for fora da cidade do Rio de Janeiro, com transportes, hospedagem e alimentação, as mesmas serão por conta do aluno ou empresa contratante.
__________________________________________________________________

Programação do Curso de Impostos:

Parte 1: (4 horas)

a)      Diferença entre Nota Fiscal de Serviço e Nota Fiscal de Produtos
b)   Apresentação das Notas Fiscais Eletrônicas NFS-e (Serviços) e NF-e (Produtos) e DANFE (Documento Auxiliar de Nota Fiscal Eletrônica).
c)      Tipos de Regimes Tributários:SIMEI e Simples Nacional.
d)      Tabelas de cálculo do Simples Nacional
e)    DAS – Documento de Arrecadação do Simples comparado com os DARFs na Apuração do Lucro Presumido.
f)       Comparação dos percentuais de arrecadação do Simples Nacional com o Lucro Presumido.
g)      Primeiro passo ao receber uma Nota Fiscal, mesmo sendo uma N.F. Eletrônica
h)      Como, onde e por que consultar se a Empresa é optante pelo SIMEI ou Simples Nacional.
i)        SIMEI – Dispensado de retenções de qualquer imposto na fonte tomadora dos serviços.
j)      SIMPLES NACIONAL – Dispensados de retenções do IRRF e do PCC na fonte tomadora dos serviços.
k)     SIMPLES NACIONAL – Não estão dispensados da retenção do INSS nem do ISSQN na fonte tomadora dos serviços.
l)        Como, onde e por que consultar se a Empresa esta ATIVA ou INAPTA.
m)   Impostos que podem ser retidos no tomador dos serviços: IRRF, PCC (PIS, COFINS, CSLL), INSS e ISSQN.
n)      Entenda a diferença entre APURAÇÃO do imposto e a RETENÇÃO do mesmo imposto
o)      Conheça o SICALC – Sistema de Cálculo da Receita Federal
p)      DARF – Documento de Arrecadação de Receitas Federais
q)      Retenção do IRRF com alíquota de 1,00% e 1,50%
r)      Tratamento de Retenções de Empresas de Publicidade e Mediação de Negócios
s)      Retenção do IRRF de Cooperativas
t)       Manual de Consulta do Governo para o Imposto de Renda Retido na Fonte e o PCC.
u)     Retenção do PCC (PIS, COFINS e CSLL)
v)     PCC - Dispensados
w)   Retenção do PIS e COFINS sobre Cooperativas.
x)     Retenções sobre Vendas e Prestações de Serviços para Autarquias e Governo Federal.
---------------------------------------------------------------------------------------------------
Parte 2: (4 horas)

a)      Retenção do INSS sobre Prestadores de serviços com mão-de-obra.
b)      GPS – Guia da Previdência Social.
c)      Fato gerador do INSS.
d)      Nota Fiscal com cálculo da Retenção do INSS.
e)      Compensação do Valor do INSS Retido no valor do INSS devido na folha de pagamento.
f)        INSS – Dispensados da Retenção
g)      INSS – Valor da retenção quando existem materiais e equipamentos na contratação.
h)      INSS – Despesas que podem ser deduzidas da base de calculo da retenção.
i)        INSS – Construção Civil
j)        INSS – Documentos para solicitar aos Prestadores de Serviços com mão-de-obra.
k)      INSS – A responsabilidade solidária
l)        INSS - Cooperativa de Transporte - Base de calculo para a contribuição à Previdência Social.
m)    INSS – Cooperativa de Saúde – Base de calculo para a contribuição à Previdência Social.
n)      INSS – Isentos
o)      INSS – Valor mínimo para recolhimento
p)      Procedimentos para contratação de Autônomos
q)      Estudo de casos referente vinculo empregatício
r)       INSS – Tabela aplicada na contribuição mensal
s)       IRRF – Tabela progressiva do Imposto de Renda
t)        Autônomo – Cálculo completo de RPA com INSS, IRRF e Dependente.
u)      INSS – Tabela resumo com os códigos das GPS mais utilizadas.
v)      ISSQN – Fato Gerador da retenção do ISSQN.
w)    ISSQN – Procedimentos para Retenção
x)      Teste de Fixação sobre Retenções (12 questões)
y)      Endereços de Sítios para Baixar: Legislações, Programas, Manuais, ...
z)       Endereço de Sitio para baixar Cursos Gratuitos de algumas Declarações.
---------------------------------------------------------------------------------------------------
Parte 3: (4 horas)

a)      POCCC – Técnica Administrativa
b)      A malha fina da Receita Federal
c)      Conceitos da Arrecadação da Receita Federal no Brasil.
d)      Brasil o País com a maior carga tributaria do mundo -  comentários.
e)      O Faturamento Bruto Ano pode determinar o tipo de Regime Tributário
f)      Tipos de Regimes Tributários: Lucro Presumido, Lucro Real, Lucro Arbitrado, Isentos, Imunes.
g)      Empresas Obrigadas a optar pelo Regime tributário no Lucro Real.
h)      Por que uma empresa passa para o Regime Arbitrado ?
i)    Lucro Presumido – Apuração dos Impostos (IRPJ, CSLL, PIS, COFINS) de acordo com a atividade econômica.
j)       Declarações Obrigatórias da Receita Federal que apresentaremos: DIPJ, DCTF, DACON, DIRF, PERDCOMP.
k)  DIPJ – Baixando, Instalando e Abrindo para simular a Apuração do IRPF, com retenção do IRRF.
l)        DIPJ – Exercício de fixação.
m)    DCTF – Abrindo uma DCTF e apresentando os conceitos.
n)      DACON – Abrindo uma DACON e apresentando os conceitos.
o)      DIRF – Abrindo uma DIRF e apresentando os conceitos.
p)      DIRF – Apresentando o conceito de conferencia cruzada entre DCTFs e a DIRF.
q)      PERDCOMP – Abrindo uma PERDCOMP e apresentando os conceitos
r)     PERDCOMP – Dicas para evitar o INDEFERIMENTO evitando que os débitos sejam lançados na CND com multas e juros.
s)    Faturamento zero ou sem valores - Deve entregar alguma Declaração, como DCTF, DACON, DIRF, SEFIP ?
t)        SEFIP – Declaração mensal.  Apresentação do conceito
u)      SEFIP – Quais informações devem conter.
v)      GPS cód. 2100 Folha de Pagamento para lançamento na SEFIP
w)    Calendário Oficial da Receita Federal – Finalidade da Consulta Mensal
x)      SPED FISCAL – Conceito
y)    A seqüência lógica de uma conferencia cruzada de impostos federais da SRF e da Previdência Social.
z)      Check List – Lista de Controle para o responsável Tributário
aa)   ISSQN – Conceito da Apuração com apresentação do DARM e do Livro de Apuração do ISS
bb)  RICMS – RJ – Regulamento do Imposto de Circulação de Mercadorias do Rio de Janeiro
cc)   DANFE – Documento Auxiliar de Nota Fiscal Eletrônica
dd)  RICMS – RJ – Obrigação Principal e Obrigação Acessória
ee)   RICMS – RJ -  Fato Gerador
ff)    RICMS – RJ – A Base de Calculo
gg)   RICMS – RJ – a Alíquota
hh)   RICMS – RJ – Do Contribuinte
---------------------------------------------------------------------------------------------------
Parte 4: (4 horas)

a)      RICMS – RJ – Do local da Operação e da Prestação.
b)      RICMS – RJ – Do Estabelecimento
c)      RICMS – RJ – Do lançamento e da Apuração do Imposto
d)      RICMS – RJ – Do direito de crédito as mercadorias destinadas ao consumo
e)      RICMS – RJ – Do valor do imposto destacado.
f)       RICMS – RJ – Da vedação ao credito do imposto
g)      ICMS – RJ – Estudo de caso de Gloso ao credito pelo Fisco
h)      RICMS – RJ – Do estorno ao credito do imposto
i)        RICMS – RJ - As diferenças dos conceitos: Não incidência, Isenção, Suspensão, Alíquota zero, Imunidade
j)        RICMS – RJ – Do deposito Fechado
k)      CFOP - Códigos Fiscais de Operações e Prestações
l)        GIA-ICMS-RJ – Apresentação.
m)    RICMS- RJ – Operação de Simples Remessa, existe ?
n)      RICMS – RJ – Técnica de Apuração do ICMS e IPI.
o)      DARJ – Documento de Arrecadação.
p)      RICMS – Como tratar o crédito do ICMS de Optantes pelo SIMPLES NACIONAL.
q)      SINTEGRA – Conceito
r)       ICMS – Consulta Tributária ao Fisco – Finalidade
s)       RICMS – RJ – Manual de Consulta
t)        RICMS – RJ – Prazo de escrituração
u)      RICMS – RJ – Perda, extravio ou inutilização de Livros Fiscais – Procedimentos
v)      RICMS – RJ – Nota Fiscal Avulsa – Finalidade
w)    RICMS – RJ – FECP
x)      RICMS – RJ – Do prazo de validade do Documento Fiscal
y)      ICMS-ST – Substituição Tributária
z)       ICMS-ST – Contribuinte SUBSTITUTO e SUBSTITUÍDO
aa)   ICMS-ST – Apresentação de Notas Fiscais com memória de calculo
bb)  CST – Tabela do Código de Situação Tributária
cc)   RIPI – Regulamento do Imposto sobre Produtos Industrializados.
dd)  RIPI – Caracteriza Industrialização
ee)   RIPI – Não se considera Industrialização.
ff)      RIOI – Estabelecimentos Optantes
gg) TIPI - TABELA DE INCIDÊNCIA DO IMPOSTO SOBRE PRODUTOS INDUSTRIALIZADOS
hh)   Correlação de Nomenclaturas - NCM x NBM
ii)       A Fiscalização em sua Empresa
jj)      Denuncia Espontânea
kk)  Check List – Declarações ICMS
ll)       Check List – Declarações IPI
---------------------------------------------------------------------------------------------------

Programação do Curso Fluxo de Caixa:

Parte 1: (4 horas)
a)    Disciplina – elemento chave na Administração do Tempo
b)    Prioridades – principio 80 – 20
c)     Receita de alto risco
d)    P.O.C.C.C. – Técnica Administrativa
e)    Administre sua Agenda com o Planejamento
f)      Organização de documentos do Contas a Pagar e Contas a Receber
g)    Outlook – O sistema pode facilitar sua Organização
h)    Antecipe-se aos problemas do Fluxo de Caixa com no mínimo 02 (duas) soluções.
i)      Opções para o Saldo Insuficiente de Caixa.
j)      Opções para o Saldo excedente de Caixa
k)    Lançamentos, Aprovações, Operações e Arquivo
l)      Pendência de uma Operação
m) Regras de Comando para Gestão de Caixa, onde a Diretoria também segue as regras.
n)    Criação de um Manual Interno para Gestão de Caixa.
o)    Coordenação do Fluxo de Caixa
p)    Arquivos, Protocolos Internos e Externos.
q)    Saldo Inicial e Saldo Final de uma Conta (Classificação Contábil/ Financeira)
r)      Planilha de Controle de Caixa
s)    As Cores e o Controle
t)     Conferência Dobrada
u)    Zero = OK.
v)    Planilha de Controle de Saldo Bancário
w)  Pagamento em Juízo ou Depósito em Juízo
x)    Capital de Giro – Ativo e Passivo Flutuante, Ativo e Passivo Operacional, Ativo e Passivo Permanente
y)    Custo Fixo, Custo Variável e Custo Total
z)    Planilha Mãe – Controle Geral Mês e Orçamento Anual.
----------------------------------------------------------------------------------------------------
Parte 2: (4 horas)

a)      Lei 11.638 – Regulamenta a divulgação da Demonstração Financeira
b)      Resolução 1.296 Aprova a NBC T 3.8 – Demonstração dos Fluxos de Caixa
c)      NBC T 3.8 - Normas Brasileiras de Contabilidade  - Objetivo, Alcance
d)      NBC T 3.8 - Benefícios da informação dos fluxos de caixa
e)      NBC T 3.8 – Definições: Caixa e equivalentes de caixa
f)        NBC T 3.8  - Apresentação da demonstração dos fluxos de caixa
g)      NBC T 3.8 - Classificados por atividades Operacionais
h)      NBC T 3.8 - Classificados por atividades de Investimento
i)        NBC T 3.8 - Classificados por atividades de Financiamento
j)        NBC T 3.8 – Apresentação pelo Método Direto e pelo Método Indireto
k)      NBC T 3.8 – Divulgação do Imposto de Renda e da Contribuição Sobre o Lucro Liquido
l)        NBC T 3.8  - Exemplo do Balanço patrimonial
m)    NBC T 3.8 – Exemplo do DFC - Demonstração dos fluxos de caixa pelo método Direto
n)      NBC T 3.8  - Exemplo do DFC - Demonstração dos fluxos de caixa pelo método Indireto
o)      Correção monetária de Valores
p)      Apresentação de Planilha Excel – Correção monetária Acumulada
q)      Indicadores Econômicos – Fonte Oficial e Segura
r)       Cambio – Conversão de Moedas – Fonte Oficial e segura
s)       Extra Curso – Planilha de Calculo de Imposto no Lucro Presumido – Serviços
t)        Extra Curso – Planilha de Exclusão do ICMS da Base de Calculo do Pis e Cofins
u)      Extra Curso – Quais São os Regimes Tributários na Legislação Brasileira
v)      Extra Curso – Quais Impostos podem ser Retidos na Fonte Pagadora (Tomador dos Serviços)
w)    Endereços de Sítios úteis na Internet  para pesquisas.
---------------------------------------------------------------------------------------------------


Impostos é um assunto difícil, estou há 27 anos nesta area e preciso estudar quase todos os dias.
Este Curso está preparado para apresentar o máximo de informação sobre os principais impostos (IRPJ, IRRF, CSLL, PIS, COFINS, IPI, ICMS, ICMS-ST, ISSQN, INSS)
Também serão apresentadas várias dicas de Declarações tais como (DIPJ, DCTF, DACON, PERDCOMP).
Durante as aulas são apresentados Sites e dicas úteis.
De acordo com suas aplicações nos estudos,  você terá um conhecimento que poucos tem.


Atenção:
Aulas não é Consultoria.
Peço a gentileza de ler com atenção os tópicos do Curso.
As aulas serão de acordo com os tópicos e não poderei responder sobre qualquer duvida tributária, visto que assuntos fora dos tópicos muitas vezes demandam em uma pesquisa detalhada da situação com a analise de documentos tais como: Notas Fiscais, Livros Fiscias, Guias de Recolhimentos de Impostos, Memoria de calculo de apurações, créditos, compensações, Declarações Fiscais, Processos Juridicos Fiscais, Entendimento do assunto pelo responsavel Tributário,  Direitos adquiridos na esfera Fiscal e sempre que se fizer necessario o FISCO seja Municipal, Estadual e Federal serão consultados para o melhor entendimento da matéria.

Observação:
Caso exista o interesse em uma Consultoria, posso estudar suas necessidades e enviar uma proposta do custo operacional de acordo com cada caso.
--------------------------------------------------------------------------------------------------
 
Obrigado pela oportunidade !
Qualquer duvida, estou a sua disposição.

Atenciosamente,

Wander Navarro
Consultor Tributário
Profº de Cursos:
* Curso de Impostos - Regimes Tributários -  Lucro Real, Presumido, Arbitrado, Simples, SIMEI, DIPJ, DIRF,DCTF, DACON.
* Curso de Fluxo de Caixa - Administração Financeira
* Curso de Retenções na Fonte - IRRF, PIS, COFINS, CSLL, INSS, ISSQN.
* Curso de ICMS e IPI.  Principais bases para o entendimento dos Regulamentos.
* Curso de Compra e Venda de Ações via Home Broker